segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Maradona é suspenso por 2 meses por insultar jornalistas

O treinador do selecionado argentino, Diego Maradona, foi suspenso por dois meses de toda atividade relacionada com o futebol e multado em 43 mil reais pelo que falou após a classificação da seleção Argentina frente ao Uruguai, anunciou a Federação Internacional de Futebol Associado (FIFA).




 A sanção proíbe Maradona de exercer qualquer atividade relacionada com o futebol até 15 de janeiro de 2010. A comissão disciplinar da FIFA, presidida por Marcel Mathier, julgou que as palavras de Maradona em 14 de outubro depois do 1-0 contra Uruguai em Montevidéu eram merecedoras de castigo.

Naquela oportunidade, Maradona em uma conferência de imprensa dirigiu-se aos jornalistas e disse:

- "Yo tengo memoria, a los que no creían, a los que no creyeron... con perdón de las damas, que la chupen, que la sigan chupando", palavras que deram a volta ao mundo.

Diego foi à sede da FIFA em Zurique, falou durante 40 minutos ante a comissão e, segundo os responsáveis pelo processo, pediu desculpas à FIFA e à grande família do futebol mundial.

- "A comissão levou em consideração o pedido de desculpas e o arrependimento sincero do técnico ao adotar a decisão, que foi comunicada a Maradona após a audiência", acrescentou a FIFA em um comunicado.
Fonte: The Guardian.

6 Comentários:

sidnei 16 de novembro de 2009 14:15  

Maradona tem q sair do time!
sucesso com blog!

http://seligainfo.blogspot.com/

L ! 16 de novembro de 2009 14:23  

Sempre mto polêmico!
¬¬'

http://adytaness.blogspot.com/

[ Visite-o ]

kbritovb 16 de novembro de 2009 14:37  

mas chera ele ainda pode né?
hahahah pra mim pode ficar pra sempre

Lucas Araújo 18 de novembro de 2009 15:59  

por mim pode ficar para sempre tambem sucesso com blog'-'

www.tuning-rio.blogspot.com

Renan,  19 de novembro de 2009 13:08  

Maradona e Argentina são a mesma coisa

© 2009 - 2011 Moleza na Beleza
Todos os direitos reservados.

  © Template Moleza na Beleza by Moleza na Beleza.

SUBIR